Google+ Badge

31/01/2014

IKEBANA


Existem centenas de diferentes métodos para arranjos
de Ikebana. O estilo que ensinamos aqui é o estilo Shoka, que consiste em três ramos principais: o céu, o homem e a terra. Shoka é um arranjo assimétrico que representa a perpétua mudança e renovação. O triângulo dos três ramos principais simboliza a relação entre os três componentes.
Material: um vaso/ um kenzan (anel de metal que prende as flores) / agua/ flores/ ramos e caules (de flores ou folhagens) / tesoura.
Você vai compor o seu arranjo com três ramos ou caules principais. O ramo primário representa o homem, o ramo secundário, um pouco menor, representa o céu, e o ramo ornamental, o único ramo com flores coloridas, representa a terra.
Ao escolher os seus materiais tenha em mente que deve ser bastante simples. Procure ramos e galhos longos. O primeiro ramo é o maior geralmente o dobro e mais metade do tamanho do recipiente. O ramo secundário deve ter cerca da metade do tamanho do primeiro. Estes dois podem ter botões, mas não flores grandes florescendo. O terceiro chamado ornamental deve ser o único com flores.
Corte as extremidades inferiores dos ramos primários e secundários em ângulo mantendo-os sob a agua. Isso permite que o tronco absorva a agua em vez de ar, mantendo-o fresco por mais tempo.
Passo 1 – coloque o vaso de ikebana na sua mesa de trabalho.
Passo 2 – coloque o kenzan dentro do vaso.
Passo 3 – prenda o ramo primário a sudoeste do kenzan, ele representa o homem.
Passo 5- prenda o ramo menor secundário, chamado hikae, no kenzan, ligeiramente à frente, este representa a terra.
Passo6 – enfeite com algumas flores menores ou folhas de plantas para esconder o kenzan no vaso e adicionar profundidade. Estas flores de apoio são chamadas de Jushi. Certifique-se que são mais curtos que os ramos principais e que a agua ainda fique visível. Não se preocupem com espaços vazios, eles formam características importantes no arranjo.
Passo 7 – seu ikebana está pronto, adicione agua ao vaso.
O ikebana é um arranjo que deve ser visto de frente, portanto uma mesa central não é um bom lugar pra ele. Em vez disso coloque-o em uma superfície de canto e bem iluminado. No Japão o ikebana geralmente é colocado onde os hospedes são recebidos, como forma de acolhê-los, portanto no hall de entrada e ou na sala de visitas.
Sob o ponto de vista do Feng Shui o Ikebana faz parte do elemento madeira, rege a saúde, suas características são movimento, crescimento e expansão, a cor principal desse elemento é o verde.





27/01/2014

A CONCENTRADORA




        Hematita vem das palavras hema que significa sangue e tita que significa pedra. Portanto esta é uma pedra de sangue. Pesada por ter em si o elemento ferro muito concentrada, embora a olho nu ela aparenta cinzenta, mas observada através de instrumentos apropriados revela sua cor vermelha.
         Se a granada é uma pedra centrífuga, que emite ondas, a hematita tem um movimento inverso, centrípeto que atrai ondas, ou vibrações para seu eixo central, seu mecanismo de energia não é expansivo como o da granada, mas sim introjetivo.
        No ambiente em que encontra, ou na pessoa que lhe está próxima, ela provoca o mesmo movimento: o de concentração das energias vitais que estão dispersas. Embora esta pedra possa ser um instrumento poderoso de concentração mental, a ser usado no trabalho e no estudo, é importante que não mantenhamos esse estado interior concentrado indeterminadamente, pois com o tempo podemos nos sentir profundamente desgastados.
Suas propriedades curativas são de tirar a dor, pois como suga a energia mental dispersa, tem também o poder de atrair energias desequilibradas em nosso veículo físico.
        A lenda conta que a hematita tem esse nome por que como era colocada nos feridos de guerra, para remover-lhes a dor, estava constantemente suja de sangue.



.

21/01/2014

HORNBEAM



        Hornbeam essência que ensina a construção do corpo sobre a terra. É a energia criativa, é a força motriz para a realização de nossas ações. A vitalidade que precisamos para dar conta do nosso dia.
        Em estado negativo a postura é afetada, podendo apresentar deformidades ósseas de coluna, como bicos de papagaio, ou deformidades nos pés ou mãos, como esporões, bloqueios de energia e musculatura flácida. A fadiga da segunda feira. A lassidão de hornbeam é o estado de exaustão, normalmente por exigências do plano mental. É a fadiga cerebral que o fará achar que ainda não está pronto para os exercícios físicos.
        A energia fica estagnada no chacra básico e não consegui subir, pode ocasionar congestão circulatória. Tem problemas nos genitais e o intestino fica em baixa, vindo o cansaço e a preguiça.
        É a essência para mobilizar os processos crônicos, tudo o que precisa e não tem força. Provoca agudização para que ocorra a resolução.



HONEYSUCKLE



        Honeysuckle trabalha o entendimento fazendo a ponte de toda sabedoria do passado com o presente. No estado negativo pode parecer infantil ou muito mais velho em relação a sua idade, muitos não aceitam o processo de envelhecer, param no tempo, não tem mobilidade interna.
        Um dos sintomas importante dessa essência é a saudade: de amores mal resolvidos, da perda de entes queridos, ou dos bons tempos.
        A essência ajuda os idosos a viver melhor o presente, lembrando a sabedoria do passado. No físico ajuda quem tem nódulos de tensão ou formação de cistos sebáceos nas costas (representam o passado) cristalizados. Estes indivíduos geralmente são preocupados e apegados ao passado. Deve ser indicada também para aquelas pessoas que se apegam a palavras, que foram ditas no passado, e o magoaram e agora atrapalham o fluir no presente.
Ajuda nos processos em terapia, quando o passado está sendo trabalhado e é difícil a transformação. 



07/01/2014

HEATHER

        A essência da razão, a palavra, o verbo, a fonte da vida. Esta essência ensina a satisfação da expressão com o mundo e desenvolver uma linguagem comum de entendimento. Traz plenitude e o prazer para a vida. Heather também se relaciona com a qualidade ligada à empatia, a disposição de ajudar. Este floral é importante e deve ser trabalhado com pessoas que precisam da oralidade para se expressar, como professores, advogados, e tem dificuldade.
        Heather negativo bloqueia sua vivencia amorosa, mantém apenas vínculos artificiais. Não se doa, não ouve o outro, só quer o prazer que o outro pode lhe dar (egoísmo). Pode tornar-se voraz sexualmente por que busca prazer somente no exterior, não interioriza o amor. Outra característica é insatisfação, enjoam dos amigos, brinquedos, quer muita atenção. Com este desequilíbrio todo pode somatizar no chacra laríngeo com recorrentes amidalites, faringites, laringites e esofagites, pode acontecer descontrole da tireoide (que controla o ritmo celular).
        Heather também pode usar o poder da palavra para dominar e controlar o outro.





GENTIAN




        Gentian é a essência que trabalha a fé, acreditar tornando-se positivo e confiante, acredita em si, sabe que todas as portas serão abertas e que o poder do pensamento positivo e seu trabalho o conduzirão ao sucesso.
        No estado negativo pode ficar com a musculatura flácida por sua inércia diante da vida, ao mesmo tempo em que enrijece as articulações, pode chegar a ter deformações ósseas. É melancólico (por falta de fé) tem desânimo, sendo assim tem baixa imunidade, pode chegar a estados depressivos, fica solidificado. O eterno pessimista sente satisfação em constatar o quanto às coisas vai mal para ele e para o mundo, é cético e persistente, só se sente bem quando é capaz de aborrecer-se com alguma coisa.
        Pode apresentar alterações alérgicas ou deformidades (somatização) nas mãos (doação para o mundo), pois estas estão fechadas e não sabe pedir ajuda. Busca a espiritualidade e o entendimento. Essência muito útil na velhice para os que precisam estrutura espiritual para a passagem.
        Gentian revelou-se muito útil para crianças nervosas e desanimadas em razão de problemas insignificantes surgidos na classe e não querem voltar à escola.
É importante para os que têm problemas cardíacos, genéticos ou adquiridos e para os que têm coração endurecido, a essência sempre deve ser utilizada nas doenças agudas, em que há dúvida da cura (para vencer a inércia da dúvida) nas doenças crônicas quando perdeu a fé na cura e o processo precisa de mobilização.