Google+ Badge

26/09/2013

VITALIDADE E PAIXÃO

        GEMOTERAPIA
        A Granada por sua coloração vermelha, forte era associada, pelos antigos, ao sangue em seu estado mais puro. Para as culturas indígenas eram chamadas de “o sangue da terra” responsável pela saúde do solo e pela fertilidade da floresta.
        Como pedra sanguínea corresponde energeticamente ao fluído vital que anima o corpo físico e a vitalidade mental, junto com as pedras pretas faz parte do primeiro chacra, duas forças que se completam.
        Limpa o sangue e dobra sua vitalidade. Ela multiplica nosso sistema imunológico, limpa os órgãos: baço, fígado e rins deixando nosso corpo saudável e resistente a doenças.
Foi usada pelos antigos para casos de pressão baixa, anemia, infecções bacteriana e virótica, fraqueza orgânica, pedras na vesícula e doenças de pele.
        Também usada contra o esquecimento e esclerose, pois bombeia sangue para o cérebro assim mantém a vitalidade dos tecidos cerebrais.
        Como um excitante, ela nos injeta um extraordinário dinamismo mental. Liberando toda energia de nosso fluído vital, a granada proporciona elevada disposição para trabalhos e realizações. Dá-nos força impositiva para a conquista de objetivos e nos torna mais afirmativos diante da vida.

        Ela desenvolve o lado energético de nossa personalidade, estimula a autoconfiança e a coragem, sendo responsável muitas vezes por nossa vontade de ferro. Aqueles que sofrem de indolência, preguiça e sonolência excessiva são renovados com grande energia de ação. Aos introvertidos, a pedra estimula o desejo de expansão, promove a comunicabilidade e a eloquência. Levanta o animo e nos impulsiona para a ação.